Trabalhar e estudar. Vale a pena?

Por 09:00 ,


Olá meus amores, no post de hoje quero falar sobre uma duvida pertinente na vida da grande maioria dos jovens, atualmente, que é se vale a pena trabalhar e estudar ao mesmo tempo, então vou comentar um pouco da minha experiência para ajudar aqueles que estão iniciando a jornada chamada vida de adulto. Vamos lá:


1- Por que você quer trabalhar?

"Poder compras minhas coisas sem ter que depender tanto dos meus pais", "quero fazer cursos,  "preciso ajudar nas despesas da minha casa". Tudo isso pesa muito na hora de decidir se vale a pena ou não conciliar um emprego e o estudo. Se você precisa ajudar no sustento da casa é necessário fazer um esforço e ir trampar trabalhar né?! Eu por exemplo preciso trabalhar, pois tenho 50% de bolsa na faculdade e o restante eu pago. 





2- Quais são seus objetivos e sonhos?

Uma coisa eu tenho certeza, se dedicar somente ao estudo é ótimo, pois com mais tempo para fazer trabalhos, deveres e rever as matérias fica mais fácil aprender, porém se você tem objetivos como comprar um carro, viajar, fazer cursos ou se casar por exemplo e seus pais não podem te bancar eu diria que está na hora de arregaçar as mangas e ir a luta. Eu quero viajar muito nos próximos anos, mas para isso eu preciso ralar muuuuuito e me organizar financeiramente. 







3- Você precisa trabalhar 8 horas por dia?

Dependendo da graduação que você escolha fazer, já no terceiro semestre é possível encontrar estágios (eu comecei no 1º semestre de adm) e a grande maioria são remunerados e com no máximo 6 horas diárias, então se você mora com seus pais e quer somente um dinheiro extra pra bancar algumas coisas supérfluas te indicaria escolher ou um estágio ou algo mais informal que remunere e te deixe com mais tempo livre para estudar.  






4- Você está disposta a abdicar a sua "liberdade" temporariamente?

Não adianta falar "dinheiro não trás felicidade", "Meus pais sempre me ajudam", "Meu marido tem 2 empregos".




Quando você tem seu dinheirinho tudo muda, pois todos nós sabemos como é difícil depender de alguém quando queremos algo e isso foi o principal fator para que eu começasse a trabalhar aos 16 anos, eu não passava fome e não pagava nenhuma conta, mas com meus (pasmem) R$290 mensais pagava o curso de inglês e as parcelas do meu primeiro smartphone coisas essas que minha mãe não tinha condições de arcar. 

Então pela minha experiência eu diria que é possível estudar e trabalhar, mas acrescento que é muito puxado e dependendo da situação vale mais a pena esperar um pouco ou optar por trabalhos com tempos mais flexíveis, como estágio, dar um curso sobre um assunto que você seja expert, trabalhar na internet e etc. O importante é ter persistência e foco, pois uma hora os dias de glória vão chegar. 

Espero que vocês tenham gostado, deixe sua experiência nos comentários e até a próxima, beijooooos. 




Postagens Relacionadas

0 comentários